Digite o nome do serviço, sua necessidade ou palavras relacionadas ao serviço desejado.

O que é?

Através deste serviço, o contribuinte poderá emitir certidão negativa de tributos municipais, com objetivo de comprovação de quitação perante orgãos municipais, estaduais e federais, assim como participação em licitações, transferência de imóveis, inventário, partilha e entre outros.

Ver mais

Como solicitar?

Pela internet
Certidão Negativa de Contribuinte
Link direto para certidão negativa de contribuinte (pessoa física ou jurídica).
https://e-gov.betha.com.br/cdweb/resource.faces?params=loyaHcSGS628HpGuUVuZcg==
Certidão Negativa de Imóvel
Link direto para certidão negativa de imóvel.
https://e-gov.betha.com.br/cdweb/resource.faces?params=loyaHcSGS62OrqXeLyTWAA==

Passo a Passo

1

No sítio eletrônico, o contribuinte deverá inserir o seu CPF (ou CNPJ caso se trate de empresa), ou o código do imóvel e inscrição imobiliária, caso se trate de imóvel.

2

Após a inserção dos dados, o contribuinte poderá preencher nos campos de "COMPROVAÇÃO JUNTO À" ou "FINALIDADE", as informações que enteder cabíveis.

3

Após o passo anterior, o contribuinte deverá clicar no ícone de impressora, para que seja criado o documento para impressão, que poderá também ser salvo em PDF.

É importante saber

  • Oferece atendimento pela internet

Órgão / Entidade responsável

Departamento de Tributação e Fiscalização

Avalie este serviço
Nos ajude a melhorar a qualidade deste serviço enviando suas críticas e sugestões.
Avalie este serviço

Atendimento preferencial

Lei Federal 10.048 / 2000
As pessoas em qualquer uma das situações abaixo tem a prioridade de atendimento garantida por Lei.
  • Portadores de Deficiência
  • Idosos
  • Gestantes e lactantes
  • Pessoas com criança de colo

Possui dúvidas ou não
encontrou o que procurava?
Suas dúvidas, reclamações e sugestões são muito bem vindas
Registrar uma dúvida, reclamação ou sugestão

Atendimento preferencial

Lei Federal 10.048 / 2000
As pessoas em qualquer uma das situações abaixo tem a prioridade de atendimento garantida por Lei.
  • Portadores de deficiência física
  • Idosos
  • Gestantes e lactantes
  • Pessoas com criança de colo